segunda-feira, 6 de abril de 2009

A chuva ainda cai..

Parecia um dia como qualquer outro. Mas não era. Como na maioria dos momentos em que minhas assombrações me perseguem, chovia. Não sei se muito, não sei se pouco. Sei que chovia.
Ninguém ouviu meu coração. Era só eu e ele.
Seria injusto dizer que estava só, porque não estava. Mas isso não me fez sentir melhor.
O pote de sorvete não fez a diferença que esperava. As doses absurdas de estudo também não.
Os sonhos, as pessoas, as músicas, a vida. Tudo trazia à tona as coisas que empurrei o mais fundo que pude dentro de mim.
Não sei se alguém notou. Mas isso realmente não importava. Não tinha mais forças pra cobrar nada de ninguém, nem de mim mesma.
Não iria lutar contra mais nada. Se sinto falta de alguém que nem entrou na minha vida, tudo bem. Se as coisas não estão como eu gostaria, tudo bem. Está tudo bem. Talvez eu não esteja tão bem assim, mas isso não parece importante agora.
Não tenho mais tempo pra essas coisas. Não é justo, mas ouvi dizer que a vida é injusta.
Porque a chuva ainda cai, e o dia já se foi.

;@@

25 comentários:

  1. que teexto mais liindo *-*
    eu fico boba de como você escreve bem :D
    é muito difícil passar por isso tudo, como você disse "sentir falta de alguém que não entrou na sua vida"... mas vai passar, você vai ver só :)
    e como eu disse no meu texto:
    quando o sol voltar a brilhar, ele vai brilhar ainda mais forte. ^^
    beeeijo

    ResponderExcluir
  2. Te entendo sobre esse assunto de sentir falta de alguém que, não estar em sua vida! ;)

    Mais vai passar,devemos acredita!

    Beijos (sua seguidora)

    ResponderExcluir
  3. gente xonei *-* aamei o texto viu! um beijo e adoreei aqui :d

    ResponderExcluir
  4. 'Menina, belo texto! ~
    Seus pensamentos são sempre bons! ^^
    Beeeijo ;*

    ResponderExcluir
  5. Oiiii! Meu blog mudou!
    Agora é esse aqui: www.peripeciasdatatah.blogspot.com

    Obrigada a todos que NUNCA me abandonaram e estiveram do meu lado mesmo depois do meu afastamento!
    Quem me acompanhava, peço que acompanhem no outro e saiam do antigo tá?

    e agora.. VAMO QUE VAMOOO que eu to de volta!
    beeeijo

    ResponderExcluir
  6. É as vezes a gente tentar criar um novo mundo aonde esta tudo bem, mas não esta, por isso que usamos nossa imaginação pra tentar esquecer do resto mundo. Mas no final tudo sempre terá que se encarado, e com isso não tem como fugir da realidade.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  7. gatinha, meus parabéns pelo texto, fiquei de cara mesmo, bju grande meu anjo

    ResponderExcluir
  8. Flor, tem um selinho pra ti no meu blog :*

    ResponderExcluir
  9. ounn maa, que lindo.
    nossa... as coisas por aqui mudaram e nem sempre mais nos falamos como antes,, mas tudo bem. esta tudo bem...
    beijos ♥

    ResponderExcluir
  10. nossa má , que lindoo !
    ameei , serioo

    ficoou tudo

    beijosmil ;*

    ResponderExcluir
  11. Nossa, que lindo! sabe, tem dias que me sinto bem assim como você descreveu... E também me dizem que a vida é injusta, então levanto, olho pela janela e invento alguma coisa para me animar, muitas vezes não dá certo... Mas pelo menos me distraí ao tentar...
    Lindo mesmo! é realmente chato me chamarem de Pollenta, hehehe
    beijos

    ResponderExcluir
  12. Esse "tudo bem",que sempre insistimos em dizer me mataa!!
    ;*

    ResponderExcluir
  13. Sentimento não-incomum.
    Acho que todas já tiveram um ou mais dias que poderiam ser narrados assim.
    Faz parte... ;)
    Beeijo

    ResponderExcluir
  14. Tem um selinho pra você no meu blog!
    Beijooos

    ResponderExcluir
  15. Que lindo xará, e emocionante também! Você tava triste, né? Mas me conforta saber que se está escrito, está desabafado. Beijo xará, amo aqui :*

    ResponderExcluir
  16. A gente sabe quando não tá tudo bem com si mesmo, mas muitas vezes tentamos nos convencer do contrário, o que não dá muito certo e acabamos fazendo coisas no impulso...

    Beijos

    ResponderExcluir
  17. Lindo, Lindo, Lindo!!!!Quase chorei!

    ResponderExcluir
  18. Oie...

    Lindo texto Má!
    Gosto de chuva,e bom pq quando chove gosto de ficar olhando a chiva cair atravez da janela do meu quarto,e uma sensação de como se estivesse lavando a minha alma de coisas q não me fazem bem!
    Mas no fim eu sei q uma hora a chuva vai passar e o sol vai se abrir e aí e hora de começar tudo de novo!

    Bjo;)

    ResponderExcluir
  19. Não desista! Não pare de lutar! Má, que isso!

    A gente nasce com um desejo de se sentir completa. Com um desejo de verdade, de beleza, de alegria. Mas a gente não pode despejar tudo na esperança de uma pessoa completar tudo, um Edward, pq ela não existe. Existem pessoas que dão as mãos para ajudar a gente a caminhar, e só nos resta esperar por elas, porque eu te dou a certeza de que elas existem.
    Quanto a empurrar para o fundo: pensa nas lágrimas que a gente engole. Elas ficam guardadas bem pertinho no coração, num baldinho. E vão se acumulando, até que chega uma hora que algo banal, quase sem sentido, cai ali dentro. O quê acontece?
    A água respinga, molha tudo ao redor. Como quando um tio balofo pula na piscina. Então não guarde as suas lágrimas, as suas tristezas. Soca um travesseiro pra melhorar.

    Não finja que está tudo bem quando na verdade não está.

    Tô aqui torcendo por vc.
    Um beeijo!

    ResponderExcluir
  20. Também sinto falta de alguém que nunca esteve em minha vida, ou que talvez esteja, mas eu ainda não tenho reparado.

    ResponderExcluir
  21. não pense em coisas assim.
    não vale a pena.
    pense em tudo que poderá acontecer.
    e não em tudo que poderia ter acontecido..
    a vida é injusta sim.
    mas é muito maior que isso.

    ResponderExcluir
  22. Nao sei pq, mas derrepente achei que eu havia escrito isso...
    Incrivel... vc consguiu descrever sentimentos que eu tb sinto.O.O
    conclusão, AMei seu texto e seu blog.

    ResponderExcluir
  23. ooi querida!
    tem um selinho para você lá no meu blog. dá uma passada lá...


    beijos

    ResponderExcluir
  24. DROGA! bem "mariana" isso.
    to vendo os blogs e me arrependendo por ter sumido tanto tempo.

    Aliás, obrigada pelo seu comentario!
    COMO NAO LEMBRA? TEM AMNESIA? FORAM APENAS 4 MESES ATRÁS! hahaha

    Beijos

    ResponderExcluir